Seleção Brasileira de Park treina na Argentina na pista do próximo evento classificatório para Paris 2024

Publicado em: 03/05/2023 16:55

Seleção Brasileira de Park treina na Argentina na pista do próximo evento classificatório para Paris 2024

Yndiara Asp - Foto: Julio Detefon / CBSk

A Confederação Brasileira de Skateboarding (CBSk) promoveu, entre os dias 24 de abril e 1º de maio, mais uma semana de treinos com a Seleção Brasileira de Park. Os trabalhos foram realizados em San Juan (ARG), na pista em que acontecerá o próximo evento Pro Tour da modalidade (21 e 28 de maio) nas classificatórias para Paris 2024.

No Park masculino, participaram dos trabalhos os skatistas Augusto Akio, Luigi Cini, Murilo Peres, Pedro Barros e Pedro Quintas. Além dos nomes da Seleção Principal, Andre Mariano e Kalani Konig também estiveram presentes. Luiz Francisco (Seleção Principal) segue se recuperando de uma lesão e não participou dos trabalhos. Pedro Carvalho, nome anunciado para a Seleção em 2023, também se recupera de lesão e por isso não esteve na Argentina.

“Foi extremamente importante a Seleção Brasileira estar apoiando e ajudando a gente a vir fazer esse treino em San Juan. Dessa maneira nos tranquiliza bastante. A pressão psicológica reduz e nós podemos treinar com mais tranquilidade. Diminui completamente o risco de lesão e evita muito estresse. Isso já vai adiantar muito o nosso resultado nessa etapa agora da Argentina”, destaca Augusto Akio.

No feminino, Dora Varella, Fernanda Tonissi, Isadora Pacheco, Raicca Ventura, Sofia Godoy e Yndiara Asp estiveram na Argentina, além de Victoria Bassi e Erica Leguizamon, que já integraram a Seleção Brasileira.

“A gente estava com toda a comissão, os treinadores, fisioterapeuta, videomaker. Tudo para nos dar o máximo de suporte possível para a gente conseguir treinar e estar com o skate no pé, com a linha pronta para chegar na hora do campeonato e dar nosso melhor”, completa Yndiara Asp.

O grupo contou com o suporte do consultor técnico Edgard Pereira Vovô, do auxiliar técnico Miguel Catarina, do observador técnico Julio Detefon e do fisioterapeuta Alison Paz.

“É super importante a gente chegar um pouco antes para reconhecer o espaço, a galera andar na pista que vai competir. Então a importância desse momento é realmente poder ter essa experiência. Com isso com certeza os skatistas vão chegar para a competição muito mais confiantes”, destaca Edgard Pereira Vovô, consultor técnico da Seleção Brasileira de Park.

“Foi muito importante a gente estar com todo o time. Todo mundo conseguiu andar bem. A gente viu uma evolução muito grande dos atletas e temos certeza que tudo isso vai fazer diferença no dia da competição. Todos já estão com uma estratégia montada. A gente treinou bastante e acho que a perspectiva é muito boa em cima de todos os atletas, que vêm numa evolução muito grande e a gente tem muito orgulho de estar participando disso”, comenta Miguel Catarina, auxiliar técnico da Seleção Brasileira de Park.

“Para se adaptar com o clima, o tipo de vento, as questões climáticas, como que o corpo se adapta a essas condições. Alguns estão em uma fase do treinamento físico. Então puderam dar continuidade aqui com a estrutura que a gente tinha. Foi fundamental acompanhar eles, algum desgaste maior. A gente já procurou trabalhar essa parte de recovery também. É muito importante a presença de toda a comissão técnica, discutindo, individualizando, podendo ter reuniões com os atletas para projetar um melhor campeonato”, completa Alison Paz, fisioterapeuta da Seleção. 

Além de contar pontos nas classificatórias para Paris 2024, o Pro Tour em San Juan também será decisivo para a definição dos nomes que irão para os Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023, entre os dias 21 e 22 de outubro. Já que os melhores brasileiros (1 vaga no masculino e 1 vaga no feminino) do ranking olímpico de Park em 5 de julho estarão garantidos na competição - o Pro Tour na Argentina será o último evento do Park até essa data.

No Street, Pâmela Rosa e Lucas Rabelo garantiram, automaticamente, suas vagas para o Pan-Americano ao se sagrarem campeões dos Jogos Pan-Americanos Júnior, em 2021. Além deles, os melhores brasileiros (1 vaga no masculino e 1 vaga no feminino) do ranking olímpico de Street em 5 de julho também estarão classificados - até essa data o Street ainda terá a realização do Pro Tour de Roma (18 a 25 de junho).

Classificatórias para Paris 2024
Assim como aconteceu nos Jogos de Tóquio, a corrida classificatória para os Jogos de Paris 2024 será dividida em duas fases.

Até aqui, a primeira fase contou com três eventos: Pro Tour de Street - Roma-ITA (26/06 a 03/07/2022); Mundial de Street - Sharjah-EAU (29/01 a 05/02/2023); e Mundial de Park - Sharjah-EAU (05/02 a 12/02/2023).

Além deles, a World Skate também confirmou os seguintes eventos:

Pro Tour de Park - San Juan-ARG (21 a 28/05/2023);

Pro Tour de Street - Roma-ITA (18/06 a 25/06/2023);

Pro Tour de Street - Lausanne-SUI (10/09 a 17/09/2023);

Mundial ou Pro Tour de Park* - Roma-ITA (01/10 a 08/10/2023);
A World Skate ainda não confirmou se o evento será Mundial ou Pro Tour.

Pro Tour de Park - Sharjah-EAU (07/01 a 14/01/2024);

Pro Tour de Street - Sharjah-EAU (14/01 a 21/01/2024).

Os dois eventos de janeiro de 2024 em Sharjah (EAU) fecham a primeira fase da janela classificatória. Os 44 primeiros do ranking da World Skate em cada modalidade, em cada categoria, avançam para a segunda fase. Seguindo os critérios da corrida olímpica, na segunda fase, cada país poderá ter o limite de até 6 skatistas por modalidade (Park e Street) e categoria (Feminino e Masculino).

Leia Mais


Patrocínio

FAM
Canon

A Confederação Brasileira de Skateboarding


Avenida Paulista, nº 1.313 sala 1.010
São Paulo, SP / Brasil

Atendimento de segunda a sexta,
das 10 às 12h e das 14 às 18h.

(11) 32851239.

    FILIADOS - ENTRARFILIE-SE

    Precisa de ajuda? Baixe o tutorial de acesso!

    Cadastro de Responsável

    responsável

    Sistema e Tecnologia